ESTÃO BRIGADOS? SAIBA O QUE FAZER PARA SE RECONCILIAR COM QUEM VOCÊ GOSTA

119 curtidas


Que fique no ano velho tudo o que não te fizer bem, e isso inclui aquele desentendimento com quem você gosta, seja um familiar, um amigo, colega de trabalho ou seu amor. Mas como fazer isso? Veja um passo a passo que pode te ajudar na resolução desse conflito, para entrar em 2018 de alma, mente e coração leves.


“Muitos relacionamentos estão em conflito porque as pessoas não tem a habilidade social de serem assertivas, ou seja, de se comunicar com o outro de maneira clara, objetiva e respeitosa em relação aos seus sentimentos e emoções. Essa é a maneira mais rápida e eficaz de evitar e até solucionar conflitos, e não se aplica só ao âmbito pessoal, com amigos ou família, mas é muito bem-vinda também em relações profissionais”, diz o psicólogo Gabriel Melani.

Avalie o que levou ao conflito

O primeiro passo é pensar e avaliar quais foram as suas atitudes e a do outro que contribuíram para esse conflito, e em seguida, entender o que você sentiu com essa situação.


Fale ao outro o que está sentindo

Segundo o psicólogo, é direito seu se sentir triste, chateada, etc., mas também é direito seu falar para a pessoa, de maneira clara e respeitosa, tudo o que está sentindo, e até pedir desculpas, caso esteja sentindo alguma culpa. “O cuidado na hora dessa fala é fundamental para que a outra parte não se sinta atacada, mas se, ainda assim, ela não colaborar, sendo intolerante, mantenha sua postura e explique que aquela não é a forma como vocês irão resolver algo. Vale até perguntar se ela prefere conversar outro dia, quando estiver mais calma”.

Mas não só fale. Ouça também

Mesmo que você queira “por tudo em pratos limpos”, “não se esqueça de ouvir o que o outro tem a dizer também, e o principal, tentando não julgar. O que ele te disser é o que vai nortear a solução desse clima chato, e evitar que isso se repita no futuro”, diz o profissional.

O convite do jeito certo

Melani afirma que uma boa dica, ao chamar para essa conversa, é “deixar claro o que você sente pela pessoa (carinho, admiração, amor, respeito, consideração etc.) e dizer que esse é o motivo para essa tentativa de resolver a situação. Se o temperamento do outro é intempestivo, já peça para ele ir desarmado, e de coração aberto, se também estiver disposto a fazer as pazes”.


bom 119     Compartilhar

Sidney Volpe

No mercado da moda sul-mato-grossense a mais de 30 anos, está sempre determinada a alcançar seus objetivos.

332644